Artigos

4 ESTADOS DE NOSSA CONSCIÊNCIA

Consciência é o nosso estado de percepção, registro e compreensão dos fenômenos do universo. Podemos perceber, registrar e compreender os fenômenos, dentro e fora de nós em quatro níveis distintos.

EIKASIA.
É conhecido como o primeiro estado de consciência.
É inconsciência, ignorância, crueldade humana, barbárie, sono demasiado profundo, movimentos e estados instintivos do ser humano e viver a lei do talião: “olho por olho e dente por dente”. Lei, registrada de forma escrita, mais antiga da história da humanidade, um estado de vida semisselvagem.

PISTIS
É o mundo das opiniões e crenças, preconceitos, sectarismos, fanatismos, teorias nas quais não existe nenhum gênero de percepção direta da verdade.
Pistis é a consciência do nível comum da humanidade.

DIANÓIA
É revisão intelectual de crenças, análises. Pessoas que escutam sua voz interior e procuram uma mudança na sua vida, se questionam e questionam tudo, isso lhes leva a um despertar, resinificar sua vida, sus valores, vie uma constante revolução interior.
Uma pessoa com consciência em Dianóia, estuda os fenômenos da natureza, compreende e respeita suas leis.
Compreende o bem e o mal e procura viver impecavelmente, de acordo a sua consciência superior.

NOUS
É a perfeita Consciência Desperta. Nous é o estado de Turiya, a perfeita Iluminação interior profunda. Nous é a legítima sabedoria e inteligência objetiva. Nous é a intuição.

Nous é um estado espiritual de amor e compreensão.

Os níveis primários da consciência humana são irracionais e subjetivos e se relacionam com os cinco sentidos de percepção externa. Durante o sono, se manifestam:

1º. O inconsciente – se expressa no mundo onírico como mera repetição de todos os atos mecânicos realizados durante o dia;

2º. O subconsciente- os fatores que compõe o subconsciente são três: Genótipo, Fenótipo e Parátipo: (herança, educação e circunstâncias).

Do equilíbrio desses três fatores, depende a conduta social do indivíduo. Toda impressão via sensorial, vai ficando armazenada no subconsciente. Os três fatores Genótipo, Fenótipo e Parátipo são a Psicogênese de toda ação subconsciente.

3º. O infra consciente- os sonhos infra conscientes são conhecidos vulgarmente como pesadelos. Existe a “Embriaguez do sono”, e o “Estado crepuscular hípnico”. A embriaguez do sonho é mais prolongada. O estado crepuscular hípnico é mais breve. Na embriaguez do sonho, trabalha a córtex cerebral como veículo da chamada consciência onírica, cujos atos reflexos são diferentes variantes do Sonambulismo. Os pesadelos ou sonhos maus são fenômenos do infra consciente.

Cada percepção ou vivência do mundo onírico, quando o infra consciente atua, o inconsciente o subconsciente, produz reações diferentes na pessoa segundo o seu tipo biotipológico.

Os estados de consciência mais elevados que o homem pode alcançar, abrangem o mundo da Intuição e a Consciência Objetiva. As experiências oníricas próprias do estado noético, pertencem às realidades arquetípicas. São abundantes as alusões a esse tipo de experiências na história da humanidade, particularmente nos textos sagrados, como por exemplo, na Bíblia.

Tema do curso a Tríade da Consciência: http://cmc.net.br/triade-da-consciencia/

0

Deixe uma resposta

WhatsApp chat